Milo Lockett: um artista marcado pelas cores e alegria de suas obras

Nascido em 1967, Milo Lockett é um artista plástico argentino que consegue, com suas obras, encantar tanto os amantes e colecionadores de arte, quanto o público leigo. Suas obras são características e tem uma identidade marcante, com suas cores fortes e contrastantes e seus elefantes e desenhos caricatos. Milo é um artista contemporâneo que conquistou seu lugar tanto no mercado quanto em projetos e ações sociais, espalhando sua arte pelos muros de escolas e hospitais e quebrando as barreiras entre a galeria de arte e a vida cotidiana.

Além das telas de alto valor comercial, espalhadas pelo mundo, Milo realiza um importante trabalho junto aos pequenos, tanto em oficinas de desenho e arte, quanto em ações em escolas e hospitais, onde pinta muros, telas e paredes, junto dos pequenos. Assim, espalhando arte pelos espaços públicos e nessa relação de troca com as crianças, Milo Lockett é um artista atual que dialoga e conquista com todos os públicos através de suas alegres pinturas.

As Cores de Milo Lockett para pequenos leitores

cores

Devido à sua grande popularidade e versatilidade, os desenhos de Milo dialogam com o imaginário infantil, lembrando os traços infantis, inclusive. Suas obras ganharam não só as telas, mas artefatos e objetos do dia a dia, levando cores e alegria para todo canto! A Equipe de Curadoria da Leiturinha, ao se deparar com um livro infantil de Milo Lockett, não teve dúvidas: As Cores, da Editora Catapulta, iria compor a biblioteca dos pequenos Leitores de Berço, para que suas cores e formatos pudessem tornar o momento Leiturinha ainda mais rico e atrativo.

O livro de Milo Lockett, enviado aos bebês leitores, apresenta a temática das cores, em um formato diferenciado, ajustado às pequenas mãozinhas e em material resistente. Nele, os desenhos do artista ganham um contorno especial em alto relevo, de modo que os pequenos passem os dedinhos sobre eles, conferindo uma concretude aos desenhos e adquirindo consciência corporal.

A importância das cores e contrastes para o desenvolvimento dos bebês

Os bebês, com a visão em processo de desenvolvimento, tem preferência por cores fortes, contrastantes e desenhos simples. Assim, em nosso ciclo de envios, priorizamos livros que apresentem uma mescla de todos estes fatores, incluindo outros, como texturas e alto relevo, por exemplo!

Você sabia que a visão dos bebês é diferente da nossa?

Os bebês antes dos seis meses não possuem sua visão totalmente desenvolvida. Por isso, sua capacidade de enxergar cores e focar a visão ainda é muito rudimentar. Nesta fase, é mais agradável e efetivo apresentar cores com alto contraste, como por exemplo, preto, branco e vermelho. Outra informação importante é que existe uma distância ideal para que eles visualizem melhor as figuras: é preciso que elas estejam em média, entre 20cm e 25cm dos olhos. (Continue lendo)

Profile photo of Sarah Helena

Mãe da Cecília, formada em Psicologia, especialista em Filosofia, sempre trabalhou com famílias, especialmente com os pequenos. Por esse amor ao universo afetivo infantil, hoje, na Leiturinha, ela colabora fortalecendo o vínculo das famílias leitoras através da experiência da literatura.