Que tal desligar o celular?

por | fev 2, 2018 | 1 Comentário

Existe coisa mais gostosa do que passar horas assistindo desenhos, deitado no tapete ou no sofá, olhando para a tela? Claro que existe. Para que uma criança se desenvolva mais e melhor, conhecer o mundo ao seu redor é essencial. Mais que isso: brincar com os amigos, com a família e com brinquedos físicos é parte de uma infância completa.

Você sabe que somos uma plataforma que tem um aplicativo com vídeos, jogos e músicas, tudo digital e em uma tela de celular, tablet ou smart TV. Por que nos preocuparíamos em incentivar a criança a desligar seus aparelhos?

Eu explico: porque é aí que tudo ganha sentido. Nosso conteúdo, que é escolhido por uma equipe formada por profissionais de audiovisual, psicologia e educação, só mostra seu valor educacional quando é aplicado na vida real, no mundo em que a criança e sua família vivem.

Se a criança consome nosso vídeos sobre alimentação, é no prato que isso se torna concreto, quando ela come alimentos variados e tem prazer nisso. Se ela consome nosso vídeos sobre letras e números, isso só ganha vida quando ela pega um lápis e escreve em seus caderninhos mágicos o que aprendeu. Da mesma forma, se ela canta uma música sobre brincar de jogar bola com os amigos, isso só terá graça de verdade quando ela pegar uma bola com suas mãos, jogá-la e suar de tanto brincar.

Para a gente, a vida em família é o fundamento para uma infância feliz e saudável. Quando os pais conseguem sentar no chão com os filhos para brincar de contar histórias, cantar músicas, transformar material reciclado ou montar um papertoy, é aí que a magia acontece e é aí que nosso trabalho é bem sucedido.

Como parceiros na educação de seus filhos, criamos um recurso muito legal: na nossa área dos pais, você pode controlar o tempo de uso do app. Assim, depois de um tempo previamente determinado por você, o app desliga. É nosso jeito de fazer parte do momento em que a tela se apaga mas a brincadeira continua, cada vez melhor.

Conte com a gente!

Leia mais:

Categorias:
0 - 3 | 10+ | 4 - 6 | 7 - 10 | Idade | Mundo | Tecnologia
Escrito por João Godoy
Editor de conteúdo na PlayKids, roteirista e produtor de conteúdo apaixonado por narrativas, personagens e o papel do storytelling no desenvolvimento infantil.
Relacionados
Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Ah, as poesias! Leves, doces, simples e encantadoras... Não é à toa que os versos e rimas dos poemas cativam adultos e crianças. Cecília Meireles é uma dessas pessoas que sabem como ninguém dar vida e magia às palavras, em poemas sensíveis e suaves. Apaixonada por...

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Extra, extra! Saiu do forno mais um livro Original Leiturinha para os leitores do clube! E este é um livro tão intrigante. Mas antes de falar sobre ele, espere um instante. Ops! Acho que perdi meu chapéu! Você o viu? Ele se parece com um barco e é feito de papel!  A...

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Ah, as poesias! Leves, doces, simples e encantadoras... Não é à toa que os versos e rimas dos poemas cativam adultos e crianças. Cecília Meireles é uma dessas pessoas que sabem como ninguém dar vida e magia às palavras, em poemas sensíveis e suaves. Apaixonada por...

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Extra, extra! Saiu do forno mais um livro Original Leiturinha para os leitores do clube! E este é um livro tão intrigante. Mas antes de falar sobre ele, espere um instante. Ops! Acho que perdi meu chapéu! Você o viu? Ele se parece com um barco e é feito de papel!  A...

1 Comentário

  1. Avatar

    Muito bom o post. Aqui em casa, embora tenhamos muito o que melhorar ainda, sempre tentamos fazer atividades que não utilizem celular/TV. Procuramos fazer atividades que estimulem de outras maneiras a imaginação e criatividade do nosso filho. Sempre brincamos de desenhar, contar histórias e brincadeiras de faz de conta com os personagens e brinquedos que temos em casa.

    Responder
Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *