Esportes radicais para crianças: você inscreveria seu pequeno em um?

por | dez 19, 2018 | 0 Comentários

Que atividade física faz bem, ninguém tem dúvidas, não é? Além de ser um hábito saudável para o corpo, praticar esportes faz bem para a mente e para a alma. Quem se exercita, se alimenta melhor, trabalha melhor, estuda melhor e vive melhor. E isso vale para as crianças também! Aliás, nós já falamos por aqui sobre os benefícios de atividades como o balé, a natação, a yoga, o futebol, a bicicleta e até o circo! Mas você já imaginou inscrever seu pequeno em algum esporte radical? Surf, escalada, parkour, bicicross, skate… Embora não seja tão comum, a escolha por esportes radicais para crianças é uma boa opção para quem curte uma adrenalina e quer estimular a coragem e a independência dos pequenos por meio de uma atividade diferenciada. Se você ainda não conhece muito sobre o assunto ou se está em dúvida sobre essa opção, nós trouxemos aqui algumas dicas que vão te mostrar que pode valer a pena deixar a superproteção um pouco de lado para investir em uma atividade radical para seu pequeno!

Escalada indoor

Idade indicada: a partir dos 7 anos

A escalada indoor é, basicamente, uma escalada tradicional, porém em escala menor e ambiente artificial, mais seguro do que as rochas. A atividade consiste em subir e escalar em uma parede que possui pequenas peças para apoiar pés e mãos. O nível de dificuldade pode ser maior ou menor, dependendo da distribuição das peças e da altura da parede.

Quais os benefícios?

– Superação do medo.

– Coordenação motora.

– Resolução de problemas.

– Senso de comunidade e trabalho em equipe, quando realizada em grupo.

– Raciocínio lógico.

– Criatividade.

Skate

Idade indicada: a partir dos 7 anos

Mundialmente conhecido, o skate encanta crianças e adultos! A atividade consiste em se equilibrar, andar e fazer manobras sobre a prancha com quatro rodinhas. Como as quedas são inevitáveis no início, o uso de equipamentos de segurança é indispensável (sempre!), como capacete, joelheira e cotoveleira.

Quais os benefícios?

– Fortalecimento das articulações.

– Tonificação dos músculos.

– Melhora na saúde vascular.

– Alívio do stress.

– Concentração.

– Equilíbrio.

Bicicross (BMX)

Idade indicada: a partir dos 6 anos

Já falamos sobre os benefícios de andar de bicicleta, mas imagine usar a “magrela” para fazer manobras radicais? O Bicicross ou BMX funciona como uma corrida em cima da bicicleta, porém em uma pista de terra, com imperfeições e desníveis, que deixam a atividade bem mais emocionante.

Quais os benefícios?

– Aumento da resistência física.

– Estímulo da atenção e da disciplina.

– Aumento da autoconfiança e autoestima.

– Equilíbrio.

– Coordenação motora.

– Ganho de noção de espaço.

Parkour

Idade indicada: a partir dos 7 anos

Esse esporte consiste em se locomover de um ponto a outro, atravessando obstáculos com saltos, quedas e pulos. Mas calma! Embora seja bastante radical e envolva alguns riscos, a prática para crianças é bem mais leve e muito mais segura. A atividade é realizada em um ambiente apropriado e com o auxílio de instrutores especializados.

Quais os benefícios?

– Consciência corporal.

– Resistência física.

– Aumento da autoconfiança.

– Ganho de noção de espaço.

– Superação de desafios.

Surf

Idade indicada: a partir dos 5 anos

Para quem mora na praia, o surf, sem dúvidas, é uma ótima opção de esporte radical. Além de divertida e refrescante, essa atividade traz diversos benefícios para os pequenos. Para os mais novinhos que estão iniciando na prática, o desafio é conseguir se equilibrar na prancha. Conforme vão ficando maiores, as crianças começam a aprender a remar e, então, a fazer as primeiras manobras. Tudo com segurança, claro!

Quais os benefícios?

– Desenvolvimento da capacidade pulmonar e resistência cardiovascular.

– Equilíbrio.

– Melhora na postura.

– Aumento da autoestima.

– Concentração.

– Contato com a natureza.

E aí? Você inscreveria seu pequeno em algum desses esportes? Quais deles? Conte aqui para a gente!

Leia também:

Escrito por Ana Clara Oliveira
Jornalista e editora do Blog da Leiturinha, é fascinada por tudo que envolve o mundo da leitura, da educação e da infância. Acredita que as palavras aproximam pessoas, libertam a imaginação e modificam realidades. Gosta de escrever, viajar e aprender sempre.
Relacionados
Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Ah, as poesias! Leves, doces, simples e encantadoras... Não é à toa que os versos e rimas dos poemas cativam adultos e crianças. Cecília Meireles é uma dessas pessoas que sabem como ninguém dar vida e magia às palavras, em poemas sensíveis e suaves. Apaixonada por...

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Extra, extra! Saiu do forno mais um livro Original Leiturinha para os leitores do clube! E este é um livro tão intrigante. Mas antes de falar sobre ele, espere um instante. Ops! Acho que perdi meu chapéu! Você o viu? Ele se parece com um barco e é feito de papel!  A...

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Ah, as poesias! Leves, doces, simples e encantadoras... Não é à toa que os versos e rimas dos poemas cativam adultos e crianças. Cecília Meireles é uma dessas pessoas que sabem como ninguém dar vida e magia às palavras, em poemas sensíveis e suaves. Apaixonada por...

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Extra, extra! Saiu do forno mais um livro Original Leiturinha para os leitores do clube! E este é um livro tão intrigante. Mas antes de falar sobre ele, espere um instante. Ops! Acho que perdi meu chapéu! Você o viu? Ele se parece com um barco e é feito de papel!  A...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *