A criatividade faz coisas incríveis. Uma delas é a capacidade de ilustrar livros. Há muitos anos, os artistas começaram a criar obras ilustradas e a dar um caráter ainda mais infantil às obras destinadas aos pequenos. Mas, até as ilustrações chegarem ao que  conhecemos hoje, impressas ou coloridas em papel, elas passaram por etapas que evoluíram para a diversidade de hoje em dia.

Os livros ilustrados

Um livro ilustrado pode ser composto por imagem e texto ou somente imagem. Nele, existem diferentes formas de atuação da ilustração na construção do livro: o texto e a imagem podem se comunicar, onde a ilustração pode ser um retrato ou complemento da narrativa; a imagem pode compreender totalmente a história e dispensar o uso de texto; ou até mesmo o texto e a imagem contarem histórias diferentes dentro da mesma obra.

Às vezes, as imagens são capazes de transmitir aos pequenos, o incompreensível expresso por palavras. Isso quer dizer que elas colaboram com o  processo de aquisição da leitura. Sentimentos que ainda não são nomeados e nem expressos através de descrições, podem ser representados por um desenho. Por isso, podemos dizer que a ilustração é uma forma natural de se ler. Entendendo isso, é possível compreender que apresentar a maior variedade possível de tipos de ilustração, é muito importante para seu pequeno aprender a viver em um mundo imagético.

Lendo imagens: os diferentes tipos de ilustração

Xilogravura

Esta é uma técnica antiga que nasceu na China. Ela consiste na ilustração sobre madeira, geralmente, feita por artesãos. São realizados relevos baixos sobre a madeira e, posteriormente, esses relevos são preenchidos por tinta.

Colagem

É a composição através de fragmentos de imagens ou imagens completas, colocadas lado a lado a partir de uma intenção para a imagem final.

Pintura

Podemos mencionar diferentes materiais usados para a composição de pinturas: aquarelas, nanquim, tinta à óleo ou acrílica. Alguns artistas muito famosos faziam uso dessa técnica: Pablo Picasso, Monet, Van Gogh e Leonardo da Vinci são alguns deles.

Calcogravura

Esta é uma técnica de gravura em metal. Da mesma forma da xilogravura, são realizados relevos baixos sobre a madeira que, depois, são preenchidos por tinta.

Dica Leiturinha:

Um exemplo desta arte é o livro Selina, o ratinho e a gata Flora, que enviamos para nossos assinantes no mês de novembro!

Selina

Selina, o ratinho e a gata Flora

Editora: Autêntica
Texto e Ilustrações: Susi Bohdal

Este livro em preto e branco irá colorir a imaginação do leitor. Selina é uma menina que aprende a ser corajosa com a ajuda de seu amigo Pipkin. Nesta obra, os pequenos aprendem que podem ser do tamanho que quiser, dependendo de suas atitudes. Este é um livro que aborda o tema do medo, da coragem e da lealdade de forma interessante e delicada. A obra foi vencedora do Prêmio Alemão de Literatura Juvenil no ano de 1951.

Leia mais:

Profile photo of Caroline Lara

Faz parte da Equipe de Curadoria da Leiturinha. É leitora compulsiva e apaixonada em provocar emoção, despertar a fantasia, entreter e alegrar pequenos através da literatura. Acredita que quanto menor nosso tamanho, maior a criatividade!