Com novos episódios chegando ao PlayKids App, Grandes Pequeninos Babies é a versão “para babies” do desenho musical Grandes Pequeninos. Diferentemente do desenho para as crianças maiores, os episódios de Babies não têm falas; todas as ações e intenções são passadas pelas expressões e pelos movimentos de cada personagem.

A família de Jair, Tânia, Lola e Zaza é muito unida e todos aprendem mais sobre si mesmos e sobre como lidar com cada um no dia a dia. Cada episódio é uma aula leve e divertida sobre os mais variados aspectos da vida doméstica e em família. E, apesar do nome, Grandes Pequeninos Babies apresenta lições que muitos adultos podem aproveitar.

Descubra as 4 lições de Grandes Pequeninos Babies para toda a família:

1. Tarefas domésticas são mais divertidas quando compartilhadas

Sabe aquelas tarefas chatas que precisam ser feitas em casa? Arrumar a cama, lavar a louça, pendurar roupa, varrer a sala… Com uma abordagem divertida,qualquer uma dessas atividades se torna uma brincadeira para as crianças (e muito mais fáceis de suportar para os adultos).

2. A melhor forma de ensinar é pelo exemplo

Ok, essa lição não soa como uma novidade, mas ainda é a mais difícil de ser colocada em prática. UM exemplo: pais que não querem ver os filhos vidrados em aparelhos celulares precisam se policiar para não ficar o tempo inteiro fazendo a mesma coisa. Para crianças, palavras não adiantam quase nada quando vão contra as ações que presenciam.

3. Uma casa feliz é uma casa em que todos estão felizes

Uma casa é um sistema complicado. Uma vez que a família vive unida e convivendo em muitos momentos, se um membro está infeliz, é difícil que os outros estejam felizes. Mesmo que o contato seja mínimo no dia a dia, os pequenos atritos, frases não ditas, e até a falta de pequenos atos de gentileza podem se acumular. Uma casa feliz é uma casa em que todos estão felizes e prezam pela felicidade dos demais. Inclusive, é bastante comum que todo o esforço para que a família fique feliz seja depositado nos ombros de uma pessoa só (geralmente a mãe). Isso não é bom nem para a casa e muito menos para essa pessoa.

4. Todo mundo é diferente

Outra lição que parece senso comum, mas que ganha contornos diferentes quando aplicada à família. Crianças são indivíduos únicos, com seus próprios desejos, vontades e necessidades. Entender isso é fundamental para que pais e mães possam deixar a criança livre para se desenvolver de forma saudável. Carregar aspirações e desejos dos pais é uma tarefa árdua que consome muita energia dos pequenos.

Leia também:

Profile photo of Leo Amaral

Midiálogo que ama livros, músicas e desenhos animados. Acredita que a curiosidade é fundamental e deve estar presente em todas as épocas da vida e que quando a tecnologia e a educação se encontram o aprendizado pode ficar ainda mais divertido.