5 dicas para ajudar no desenvolvimento da fala do seu bebê

por | ago 3, 2018 | 1 Comentário

O desenvolvimento da fala do seu bebê

Dos 9 aos 18 meses de idade, geralmente, os bebês começam a criar um repertório de sons que se desenvolve até cerca dos quatro anos, até que eles consigam pronunciar sons mais difíceis como o r, rr, l, s e lh. A ordem pode variar um pouco de criança para criança, mas inicialmente os bebês começam pronunciando algumas sílabas, depois já é possível reconhecer o idioma em que estão falando – se a família se comunica em português, ele vai emitir sons em português -, e começam a relacionar gestos com a fala, além de atenderem a pedidos como “manda um beijo” ou “dá tchau”.

Depois, geralmente com 12 meses, chega o tão esperado momento em que os bebês começam a falar palavras como “mamã”, “papa”, “dá”, “qué” e onomatopeias como “auau” e “miau”. O processo de desenvolvimento da fala é longo e complexo, envolvendo o cérebro e músculos, por isso nessa fase a criança consegue se comunicar, mas ainda emite os sons de maneira incorreta.

Mas como, então, ensinar os pequenos a falarem corretamente?

Toda criança aprende por modelo. Por esse motivo é importante que os pais não fiquem repetindo e incentivando a fala errada. Por exemplo: se o bebê fala “miau”, os pais devem incentivar e indicar a maneira correta de falar e ensinar falando “o gato, muito bem!”. Pode ser bonitinho ou engraçado, mas se os pais ficarem sempre copiando a criança e reafirmando, ela vai achar que esse é o modelo correto.

Dependendo da idade, o bebê ainda não tem capacidade para emitir alguns sons, então é importante que os pais não chamem atenção para o erro e nem cobrem que o bebê fale corretamente e, sim, mostrem o modelo para que a criança faça certinho quando tiver capacidade para falar aquele som. A interpretação e comunicação dos pais também faz toda a diferença.

Confira algumas dicas que vão ajudar pais e mães a estimularem os pequenos neste momento:

1. Utilização saudável de celulares e tablets: Procure sempre garantir que o conteúdo e tempo sejam adequados para o desenvolvimento do seu pequeno. Existem alternativas interessantes para introduzir a tecnologia no aprendizado e nos momentos de diversão dos pequenos, combinada com atividades ao ar livre, contato com outras crianças, entre outros estímulos como uma boa conversa e uma leitura compartilhada.

2. Converse bastante com seu bebê: sempre que estiver fazendo alguma atividade com a criança converse com ela. Explique o que está fazendo e o que vai fazer para que seu bebê escute e tenha um modelo.

3. Responda corretamente: quando a criança está aprendendo a falar ela emite alguns sons e pronuncia palavras incorretamente. Por exemplo, se o bebê falar “balulo”, responda calmamente, separando as sílabas de maneira clara, “que ba-ru-lho é esse?”.

4. Leia e cante: ao ler e cantar para o pequeno, mesmo que ele não entenda exatamente o que está sendo dito, vai incentivar e fazer com que ele se interesse pelos diferentes sons e diferentes entonações da história.

5. Incentive: durante uma fase, a criança começa a saber e apontar para aquilo que deseja. Não responda imediatamente, incentive e encoraje o bebê a falar aquilo que quer e não somente apontar.

É comum que aconteçam atrasos e trocas na fala, pergunte sempre e tire dúvidas com seu pediatra e fonoaudiólogo que podem ajudar neste momento.

Leia também:

Categorias:
0 - 3 | Alô, fono! | Colunas | Idade
Escrito por Flávia Puccini
Fonoaudióloga, mestre em processos e distúrbios da comunicação e especialista em motricidade orofacial. É consultora de amamentação e laserterapeuta. * Flávia é nossa autora convidada e seus textos não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Leiturinha.
Relacionados
Como saber se seu filho tem medo além do normal?

Como saber se seu filho tem medo além do normal?

O medo faz parte da natureza humana e é importante para o desenvolvimento emocional, especialmente das crianças. Afinal, é o medo que nos ajuda a avaliar os perigos e possíveis ameaças a nossa saúde, por exemplo. No entanto, é preciso cuidado com o excesso de medo,...

20 filmes infantis para assistir em família

20 filmes infantis para assistir em família

Quer se divertir com as crianças? As brincadeiras, os jogos de tabuleiro e a própria literatura infantil costumam ser ótimas opções de passatempo! Mas, e os filmes? Para agradar os cinéfilos e os amantes da sétima arte, preparamos uma lista especial com 20 filmes...

Como saber se seu filho tem medo além do normal?

Como saber se seu filho tem medo além do normal?

O medo faz parte da natureza humana e é importante para o desenvolvimento emocional, especialmente das crianças. Afinal, é o medo que nos ajuda a avaliar os perigos e possíveis ameaças a nossa saúde, por exemplo. No entanto, é preciso cuidado com o excesso de medo,...

20 filmes infantis para assistir em família

20 filmes infantis para assistir em família

Quer se divertir com as crianças? As brincadeiras, os jogos de tabuleiro e a própria literatura infantil costumam ser ótimas opções de passatempo! Mas, e os filmes? Para agradar os cinéfilos e os amantes da sétima arte, preparamos uma lista especial com 20 filmes...

Aprenda a fazer massinha de modelar em casa

Aprenda a fazer massinha de modelar em casa

Cores e formas são muito atraentes para os pequenos e pequenas. Por isso, algo que parece tão simples, como uma massinha de modelar, pode gerar bastante interesse para as crianças e estimular o aprendizado! Afinal, essa brincadeira sensorial incentiva o...

1 Comentário

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *