7 jogos do aplicativo PlayKids para desenvolver a linguagem dos pequenos

por | jan 8, 2018 | 0 Comentários

Estímulo, estímulo e estímulo. Este é um dos principais segredos para o desenvolvimento da fala dos pequenos. Brincar, conversar e interagir com seu filho, desde os seus primeiros meses de vida, é fundamental para que sua linguagem se desenvolva plenamente. Nos dias de hoje, mães, pais, educadores e profissionais ganharam uma ótima aliada no desenvolvimento dos pequenos: a tecnologia. Com atividades, jogos e vídeos interativos, os aplicativos podem se tornar ótimas ferramentas no estímulo e desenvolvimento da linguagem das crianças. Nesse contexto, conversamos com a fonoaudióloga infantil Magali Oliveira, que utiliza algumas das atividades disponíveis no Aplicativo PlayKids em suas consultas, para que ela nos ajudasse a elencar os benefícios de cada uma das atividades para o desenvolvimento da fala dos pequenos. Ela ressalta a importância da mediação e intervenção de um adulto para que o uso e o estímulos sejam positivos e eficientes.  

Leia também: Como a tecnologia pode atuar no lado social e afetivo das crianças tímidas

1. Quebra-cabeças

Melhor idade: pequenos a partir de 3 anos
Disponível em: versão free do Aplicativo PlayKids (descubra como acessar)

Este jogo pode colaborar no estímulo da fala e aumento do vocabulário dos pequenos. Como?  Durante a brincadeira, peça para que a criança nomeie os objetos que se formarem no jogo, e converse com ela sobre.

2. Esteira maluca

Melhor idade: pequenos a partir de 3 anos
Disponível em: versão Premium do Aplicativo PlayKids (descubra como assinar)

Este jogo estimula o desenvolvimento da fala e da linguagem da criança. Como? Para brincar, é preciso identificar as letras, as formas e os números e, no caso das letras, é possível trabalhar o som de cada uma delas. Além de o pequeno aprender a diferenciar o que é letra e o que é número, e o nome das formas e das cores. Também aproveite para estimular sua fala, dialogando sobre as formas e as letras que aparecem.

3. Estação de perguntas

Melhor idade: pequenos a partir de 4 anos
Disponível em: versão Premium do Aplicativo PlayKids

Com este jogo é possível trabalhar e estimular a linguagem e conceitos como maior e menor, além das formas e das cores. Como? Durante as perguntas e respostas do jogo, o pequeno precisará diferenciar conceitos e formas, o que estimula sua linguagem e trabalha sua atenção e concentração. Converse com a criança, à medida que os desafios forem sendo solucionados.

4. Conhecendo os bichos

Melhor idade: pequenos a partir de 2 anos
Disponível em: versão free do Aplicativo PlayKids

Para os mais novinhos, que ainda estão começando a formar sons e palavras, uma boa opção é utilizar este jogo para estimular a imitação dos sons dos animais. Como? A cada som, converse com seu pequeno nomeando os animais e estimulando ele a nomear também.

5. Toy Box

Melhor idade: pequenos a partir de 2 anos
Disponível em: versão free do Aplicativo PlayKids

Este jogo colabora com o estímulo da linguagem dos pequenos. Como? Para brincar, a criança precisa identificar os objetos e você pode estimulá-la a nomear cada um deles, conversando e interagindo.

6. Jogo da memória

Melhor idade: pequenos a partir de 3 anos
Disponível em: versão free do Aplicativo PlayKids

Esta brincadeira estimula a linguagem, a fala e a memória visual das crianças. Como? Conforme vão formando os pares, você pode estimular a criança a nomear cada um dos objetos encontrados.

7. Ligue as estrelas

Melhor idade: pequenos a partir de 3 anos
Disponível em: versão free do Aplicativo PlayKids

Este jogo trabalha a fala, a linguagem e concentração dos pequenos. Como? Para jogar, a criança precisa de atenção para formar e Identificar os objetos que se formam. Aproveite para, junto com o pequeno, nomear e conversar sobre cada imagem formada.

Dica da especialista:

A fonoaudióloga Magali ressalta que todas as atividades trabalham a atenção e concentração dos pequenos, uma vez que é preciso compreender o jogo e aprender suas regras. E tudo isso envolve linguagem. Para pequenos mais novinhos, de dois ou três anos, também é interessante utilizar as músicas disponíveis no aplicativo, para trabalhar e estimular a linguagem a partir de canções que os pequenos gostam e se identificam.

Leia mais:

Categorias:
0 - 3 | Bebê | Desenvolvimento | Idade
Escrito por Ana Clara Oliveira
Jornalista e editora do Blog da Leiturinha, é fascinada por tudo que envolve o mundo da leitura, da educação e da infância. Acredita que as palavras aproximam pessoas, libertam a imaginação e modificam realidades. Gosta de escrever, viajar e aprender sempre.
Relacionados
Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Ah, as poesias! Leves, doces, simples e encantadoras... Não é à toa que os versos e rimas dos poemas cativam adultos e crianças. Cecília Meireles é uma dessas pessoas que sabem como ninguém dar vida e magia às palavras, em poemas sensíveis e suaves. Apaixonada por...

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Extra, extra! Saiu do forno mais um livro Original Leiturinha para os leitores do clube! E este é um livro tão intrigante. Mas antes de falar sobre ele, espere um instante. Ops! Acho que perdi meu chapéu! Você o viu? Ele se parece com um barco e é feito de papel!  A...

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças

Ah, as poesias! Leves, doces, simples e encantadoras... Não é à toa que os versos e rimas dos poemas cativam adultos e crianças. Cecília Meireles é uma dessas pessoas que sabem como ninguém dar vida e magia às palavras, em poemas sensíveis e suaves. Apaixonada por...

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Alguém Viu Meu Chapéu? Um livro Original Leiturinha

Extra, extra! Saiu do forno mais um livro Original Leiturinha para os leitores do clube! E este é um livro tão intrigante. Mas antes de falar sobre ele, espere um instante. Ops! Acho que perdi meu chapéu! Você o viu? Ele se parece com um barco e é feito de papel!  A...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *