Aniversário da Leiturinha, os melhores descontos pra incentivar a leitura infantil. Vem pro Clube! Assine agora

Desenvolvimento da fala: descubra o que é esperado para cada idade

por | abr 27, 2022 | 3 Comentários

Você sabia que pode colaborar (e muito!) com o desenvolvimento da linguagem do seu filho ou filha? Pois é! A participação ativa da família nos primeiros anos de vida da criança é fundamental para ajudá-la a desenvolver suas habilidades, inclusive a fala. Por isso, pensando em compreender um pouco mais sobre como funciona o desenvolvimento da fala em cada idade, conversamos com a fonoaudióloga Magali Oliveira, que atua com crianças na rede pública de Poços de Caldas. Acompanhe! 👶💬

Leia mais:
👉 Bilinguismo infantil: mitos e verdades
👉 Marcos do desenvolvimento infantil de 0 a 3 anos
👉 Como o sono do bebê pode ajudar no desenvolvimento?

Desenvolvimento da fala: o que é esperado para cada idade?

Confira abaixo os marcos do desenvolvimento da fala, de acordo com a faixa etária dos pequenos e pequenas:

1 ano

Ainda no primeiro ano de vida do bebê, espera-se que a criança fale as suas primeiras palavras. A princípio, costumam ser palavras isoladas, como mamãe e papai. Além disso, o bebê já poderá emitir onomatopeias (au-au, miau, bibi). Com 1 ano e seis meses, é possível que o pequeno ou pequena comece a combinar duas palavras, como “da mamá” e “eu quero”, por exemplo.

2 anos

Aos 2 anos de idade, costumam aparecer as primeiras frases de duas ou três palavras do bebê, como “eu quero papá”. Por volta de 2 anos e seis meses, começam as frases de três e quatro palavras.

3 anos

Espera-se que, aos 3 anos, a criança já seja capaz de repetir trechos de histórias e produzir frases de quatro a cinco palavras. Por isso, é possível iniciar uma conversação e cantar músicas infantis e cantigas populares com os pequenos ou pequenas.

4 anos

Aos 4 anos, a criança já deverá ser capaz de elaborar frases de cinco ou seis palavras. Ainda, o pequeno ou pequena poderá começar a narrar fatos e histórias.

5 anos

Com 5 anos de idade, a criança pode utilizar os tempos verbais, pedir informações e utilizar orações em períodos simples e compostos.

6 anos

Ao final da primeira infância, aos 6 anos, é esperado que a criança já articule todos os sons da fala, utilize frases gramaticalmente corretas e narre fatos e histórias com desenvoltura.

Quando a família deve se preocupar com o desenvolvimento da fala?

Embora existam marcos do desenvolvimento da fala, que são esperados para cada idade, sabemos que cada criança é única. Ou seja, cada pequeno ou pequena tem seu próprio ritmo de crescimento e amadurecimento.

No entanto, caso a sua criança demonstre atrasos de fala e/ou dificuldades, como na articulação das palavras, é necessário que a família procure o apoio de um(a) profissional. Assim, será possível orientar e acompanhar o desenvolvimento do pequeno ou pequena, tudo bem?

Segundo a fonoaudióloga Magali Oliveira, “a família deve se preocupar quando percebe uma diferença muito grande entre a fala do seu filho quando comparada às crianças da mesma idade”. Por isso, é muito importante que os pais, mães e pessoas responsáveis observem com atenção e interesse o desenvolvimento da fala das crianças.

“Caso a criança esteja com três anos, por exemplo, falando com muitas trocas de letras ou sílabas e apresenta uma fala difícil de entender, a família deve procurar orientação de um profissional”, afirma Magali.

Aos 6 anos de idade, espera-se que a criança esteja falando todos os sons da fala. Contudo, vale ressaltar que a fonoaudiologia já pode ser aplicada antes disso. Em situações, por exemplo, onde a criança não demonstra o desenvolvimento da fala esperado para sua faixa etária. Na dúvida, é indicado que a família consulte um(a) fonoaudiólogo(a)! 😉

📚 Leia mais: O que é importante na hora de escolher um livro para bebê?

Como estimular a fala do seu pequeno ou pequena?

A família tem um papel fundamental no desenvolvimento da linguagem na infância. Por isso, é muito importante estimular, desde cedo, a fala do bebê. 😄 Nesse sentido, a nossa convidada Magali Oliveira elencou algumas dicas, que podem ajudar você a estimular a fala do seu filho ou filha:

  • Converse sempre com seu pequeno ou pequena, pronunciando as palavras sempre da forma correta. Nada de mudar a fala só porque está se dirigindo a uma criança;
  • Brinque com criança, imitando sons de animais, contando historinhas e cantando músicas infantis;
  • Nomeie objetos e ações, apontando para eles sempre que for possível. Isso amplia o vocabulário da criança;
  • Ouça com atenção aquilo que a criança tem a lhe dizer.

Dicas da Leiturinha para estimular o desenvolvimento da fala

Você sabia que o bebê se comunica antes mesmo da primeira palavra? Então, para incentivar o desenvolvimento da fala, o vocabulário e o repertório dos pequenos e pequenas, confira algumas sugestões da Loja Leiturinha para sua família! ❤️

Palavras

Palavras

Quem tem criança em casa já sabe: desde os primeiros passos, o bebê já quer carregar suas coisinhas pela casa! Por isso, o livro Palavras, da Editora Ciranda Cultural, é bem fácil de ser levado pelos pequenos ou pequenas. Afinal, ele já vem com uma alça, que o torna leve e prático. Ficando mais fácil deixar todos os momentos (inclusive, a horas do banho e de dormir) muito mais divertidos!

👉 Clique aqui para comprar o livro “Palavras” na Loja Leiturinha!

Filhotes: Primeiras Palavras

Filhotes: Primeiras Palavras

A coleção Filhotes: Primeiras Palavras, da Editora Tiger Tales é bem interessante para as crianças! São quatro livros infantis, que apresentam os filhotes da fazenda e da selva, bem como os cãezinhos e os gatinhos para os pequenos e pequenas.

Assim, de forma divertida e lúdica, a criançada conhece os animais e se apaixona pelo hábito da leitura! Além disso, aproveite o produto para estimular a interação entre pais e filhos.

👉 Clique aqui para ver a coleção “Filhotes: Primeiras Palavras” na Loja Leiturinha!

Meu Livro da Fazenda

Meu Livro da Fazenda

Procurando um livro infantil interativo para estimular os pequenos e pequenas a descobrir os animais da fazenda? Um livro com as imagens divertidas e fáceis de brincar? Achou!

Em suas páginas coloridas, Meu Livro da Fazenda reúne cenários que se movimentam! Isso encanta as crianças e as convidam a interagir com o livro. Os pequenos e pequenas podem fazer girar as rodas ou deslizar as imagens para descobrir as respostas. Uma coleção de livros para pequenos exploradores e pequenos descobridores!

👉 Clique aqui para conferir o livro “Meu Livro da Fazenda” na Loja Leiturinha!

Você gostou das dicas da Leiturinha para o desenvolvimento da fala? Quer continuar lendo e vivendo as melhores histórias com as crianças? Então, não deixe de conhecer o Clube Leiturinha: o maior clube de livros infantis da América Latina! Acesse o site, escolha o plano ideal para sua família e receba todo mês o livro ideal para seu pequeno ou pequena, na sua casa! 📚❤️

Categorias:
0 - 3 anos | Bebê
Escrito por Ana Clara Oliveira
Jornalista e editora do Blog da Leiturinha, é fascinada por tudo que envolve o mundo da leitura, da educação e da infância. Acredita que as palavras aproximam pessoas, libertam a imaginação e modificam realidades. Gosta de escrever, viajar e aprender sempre.
E-book exclusivo Leiturinha
Relacionados
Dança com bebê: fortalecendo o vínculo por meio da música

Dança com bebê: fortalecendo o vínculo por meio da música

Interagir com os bebês desde a gestação é fundamental para um desenvolvimento saudável e também para o fortalecimento do vínculo entre adultos e crianças. E quando falamos em interação, vale ler, cantar, ouvir música, conversar e, sobretudo, dançar com os pequeninos e...

Marcos do desenvolvimento infantil de 0 a 3 anos

Marcos do desenvolvimento infantil de 0 a 3 anos

Embora cada criança tenha seu próprio ritmo de aprendizado e de desenvolvimento, quando falamos em crescimento infantil também é importante levar em conta os chamados marcos do desenvolvimento infantil. Isto é, as mudanças físicas, psicológicas, sociais e emocionais...

Bilinguismo infantil: mitos e verdades

Bilinguismo infantil: mitos e verdades

Infelizmente, ainda circulam muitas informações falsas sobre o bilinguismo, sobretudo infantil. Afinal, será mesmo que falar uma segunda língua pode atrasar o desenvolvimento da fala? Ou, então, atrapalhar a alfabetização? Para ajudar a sua família, chegou a hora de...

Dança com bebê: fortalecendo o vínculo por meio da música

Dança com bebê: fortalecendo o vínculo por meio da música

Interagir com os bebês desde a gestação é fundamental para um desenvolvimento saudável e também para o fortalecimento do vínculo entre adultos e crianças. E quando falamos em interação, vale ler, cantar, ouvir música, conversar e, sobretudo, dançar com os pequeninos e...

Marcos do desenvolvimento infantil de 0 a 3 anos

Marcos do desenvolvimento infantil de 0 a 3 anos

Embora cada criança tenha seu próprio ritmo de aprendizado e de desenvolvimento, quando falamos em crescimento infantil também é importante levar em conta os chamados marcos do desenvolvimento infantil. Isto é, as mudanças físicas, psicológicas, sociais e emocionais...

Bilinguismo infantil: mitos e verdades

Bilinguismo infantil: mitos e verdades

Infelizmente, ainda circulam muitas informações falsas sobre o bilinguismo, sobretudo infantil. Afinal, será mesmo que falar uma segunda língua pode atrasar o desenvolvimento da fala? Ou, então, atrapalhar a alfabetização? Para ajudar a sua família, chegou a hora de...

A adolescência dos bebês: descubra como lidar com os terrible twos

A adolescência dos bebês: descubra como lidar com os terrible twos

Você sabe o que são os terrible twos? De uma hora para a outra, aquele anjinho ou anjinha, que até outro dia era só amor e carinho, decide que a sua nova palavra favorita é "não". Além disso, desenvolve alguns hábitos um tanto quanto difíceis de lidar, como se jogar...

3 Comentários

  1. Nilma Bressan

    Interessante. Boas dicas para os pais. Observar e incentivar a fala dos filhos.

    Responder
  2. Pamela de Oliveira campos

    Meu filho , Arthur 1 ano e 9 meses apresenta atraso na Fala , capou algumas palavras no início como banana, batata e mamae , logo depois ficou em silêncio , e agora balucila bastante e com dificuldade … está tendo tratamento com Fonofiologa , mas o que tem contribuído nessa meses foi assinatura da leiturinha , ele ama que eu leia pra ele , tem vontade e já pega livro correr atrás de mim e aponta com dedinho como se estivesse falando ou querendo uma responta . Obrigada leiturinha , tem me ajudo muito com a intervenção precose do meu filho , cada mês uma surpresa é uma esperança diferente em ler e aprender sempre mais . 👏👏

    Responder
  3. Ruth

    A apraxia na fala pode estar ligada a surdez? Tenho uma aluna que fez transplante coclear, não escuta direito, a mãe tem que repetir tudo pra ela entender, mas não aceita que a filha não escuta. Já sugeri LIBRAS mas ela não aceita como a primeira língua da menina. como posso ajudar?
    Durante as aulas online sempre busco a fala dela, mas não entendo quase nada que ela fala.

    Responder
Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Boa leitura!