“Educar é crescer. E crescer é viver. Educação é, assim, VIDA no sentido mais autêntico da palavra.” – Anísio Teixeira

Há aqueles que estão ao nosso lado no momento que damos nossos primeiros passos, quando soltamos a primeira e tão esperada palavra ou aprendemos algo novo e surpreendente… Não importa quantos anos se tem, as pessoas que nos trazem ensinamentos são sempre figuras marcantes na vida de cada pessoa. Existe alguém que nos acompanha quando os primeiros versos são recitados, realizamos a primeira operação matemática de sucesso ou escrevemos as primeiras letrinhas…

O professor

Ele é o responsável por apurar nosso olhar no sentido do aprender. É mediador entre a criança e o mundo, os sentidos, o conhecimento e a compreensão. Por esse motivo, em referência ao Dia dos Professores, hoje é um dia reservado para refletirmos sobre a função de educar entre famílias, escola e sociedade. Escolhemos então falar do professor, alguém crucial neste processo e indispensável para a formação de cada um de nós.

Sua mais significativa função, a de educador, é uma das (senão a mais) nobre das missões – aquela fundamental para se aprender a viver. E é por isso que, entre tantos assuntos que cruzam nossos caminhos, a reivindicação do respeito a esse profissional volta sempre a ser tema de versos, lutas ou homenagens rotineiras.

Alfabetizar é uma etapa da educação

Sempre de mãos dadas com a família, a presença do professor é fundamental para o qualquer um de nós enquanto cidadãos, profissionais e acima de tudo para o desenvolver da consciência e do reconhecimento do homem com seus valores, habilidades, responsabilidades e possibilidades. Devemos reforçar esse saber todos os dias e, antes de mais nada, reconhecer a função social dessa arte tão sublime que é EDUCAR!

Leia também: