Prêmio Reclame Aqui

Por que também é importante dizer não aos filhos?

por | fev 19, 2019 | 1 Comentário

Você sabia que o não que as crianças ouvem dos pais pode ser a primeira grande frustração delas e, por esse motivo, pode ser uma maneira bastante interessante de ensiná-las a se prepararem para dificuldades que poderão enfrentar ao longo da vida?

Por mais difícil que seja ver o filho chateado, nervoso e irritado, os pais não devem evitar esses momentos e nem ficar com medo deles, pois isso pode deixar a criança pouco tolerante à frustração e impedir que ela aprenda a lidar com esse tipo de situação, que cedo ou tarde irá acontecer.

Lidando com o choro e aprendendo a expressar as emoções

É bem provável que o choro apareça quando a criança se sentir frustrada, mas tudo bem. O choro nada mais é do que a manifestação da criança diante da insatisfação, já que na infância elas ainda não têm recursos verbais e nem repertórios de comportamento suficientes para se expressar com clareza. Dessa forma, o choro pode explodir e servir como forma de expressão para os pequenos.

É importante que os pais entendam esse comportamento e permitam que ele aconteça, dando espaço e tempo para a criança se expressar e, à medida que ela for se acalmando, acolher e explicar a situação. Isso não significa permitir que a criança machuque ninguém ou quebre alguma coisa, mas sim que possa falar o que sente e chorar se tiver vontade.

O equilíbrio é o segredo!

Claro que, como sempre digo, o bom senso e o equilíbrio são fundamentais. Os pais não precisam negar tudo aos filhos, e nem agir de maneira ríspida ou autoritária nesse momento. Conversar com a criança, explicar a situação e os motivos de cada decisão é sempre importante.

Dessa forma, ela pode aos poucos ir criando mecanismos próprios de tolerância à frustração, aprender a contornar situações desagradáveis e seguir e frente.

Leia também:

Escrito por Flávia Carnielli
Mãe da Maria Clara, mestre em psicologia clínica, especialista em psicologia perinatal e formada em psicoterapia infantil. * Flávia é nossa autora convidada e seus textos não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Leiturinha.
Livros selecionados por faixa etária, todo mês na sua casa. Saiba Mais.
Relacionados
8 coisas que você precisa saber para lidar com as birras do seu filho

8 coisas que você precisa saber para lidar com as birras do seu filho

Lidar com as birras da sua criança: Um dos desafios mais marcantes da vida de qualquer tutor. Mesmo que você não seja mãe ou pai, certamente já deve ter presenciado um momento como esse: a criança começa a chorar e em poucos minutos já está gritando, esperneando e se...

Como lidar com meu filho pré-adolescente?

Como lidar com meu filho pré-adolescente?

Afinal, como lidar com meu filho pré-adolescente? Sabemos que quando você pisca, seu filho ou filha já está na pré-adolescência. Podem surgir, então, acordos não cumpridos. Eles parecem mais irritados e tendem a reclamar de tudo, não é mesmo? Pois tenha calma. É sim...

8 coisas que você precisa saber para lidar com as birras do seu filho

8 coisas que você precisa saber para lidar com as birras do seu filho

Lidar com as birras da sua criança: Um dos desafios mais marcantes da vida de qualquer tutor. Mesmo que você não seja mãe ou pai, certamente já deve ter presenciado um momento como esse: a criança começa a chorar e em poucos minutos já está gritando, esperneando e se...

Como lidar com meu filho pré-adolescente?

Como lidar com meu filho pré-adolescente?

Afinal, como lidar com meu filho pré-adolescente? Sabemos que quando você pisca, seu filho ou filha já está na pré-adolescência. Podem surgir, então, acordos não cumpridos. Eles parecem mais irritados e tendem a reclamar de tudo, não é mesmo? Pois tenha calma. É sim...

A Jacaré: a curiosa amizade de um homem e seu pet peculiar

A Jacaré: a curiosa amizade de um homem e seu pet peculiar

O livro A Jacaré conta a linda história de amizade entre Faoro e Negro, um jacaré. Isso mesmo! Um jacaré! 🐊 Esse Inédito Leiturinha é um livro infantojuvenil estrangeiro ultra premiado, e seu título original é La Caimana. Chegou ao Brasil em primeira mão aos...

1 Comentário

  1. Natalia Elvira Martins dos Santos

    A mei as dicas

    Responder
Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *