No momento que estamos vivendo no mundo, é nosso dever ajudar os idosos a também passarem por essa fase de isolamento. Afinal, se nós, jovens e adultos, já estamos abalados emocionalmente, imagine os idosos, que escutam todos os dias nos jornais que são do grupo de risco da nova pandemia. Além disso, muitos vivem sozinhos e, com o isolamento social, acabam ficando ainda mais sós. Por isso, é necessário pensarmos neles e tentarmos ajudar o máximo possível neste momento difícil.

O que eu posso fazer?

Existem muitas opções de coisas que podemos fazer para ajudar os idosos nesse momento. Aqui vão algumas dicas:

1. Ensinar a usar tecnologia

Nesse momento, a maioria das pessoas estão recorrendo ao uso da tecnologia para passar o tempo. O tablet, o celular, a televisão, o computador, o videogame. Tudo isso possui uma gama gigantesca de coisas para fazer. Jogos, notícias para ler, filmes e séries, além de pessoas para conversar. Além disso, vários museus liberaram visitas virtuais gratuitas, o que garante uma boa diversão.

Porém, muitos idosos não sabem usar todos esses recursos tecnológicos. Se você conhece alguém que tenha essa dificuldade, separe um pouco do seu tempo e pare para ensinar. Uma vez que estamos em isolamento, você pode telefonar para ajudar seu avô, tio ou até vizinho a aprender!

2. Faça videochamadas

Se você conhece alguém que está sozinho ou sendo afetado pelo isolamento, faça uma videochamada com ele. Ensine-o a usar essa tecnologia e converse, pergunte sobre seu dia, sobre as novidades. Até mesmo peça para que conte histórias sobre sua vida, eles adoram! Tenho certeza que você levará (e receberá) muita alegria fazendo isso. 

3. Se ofereça para fazer as compras

Não é recomendado de maneira alguma que os idosos saiam de casa. Nem mesmo para fazer compras. Porém, muitos não possuem uma família que possa ajudar. Por isso, se conhece alguém no seu bairro ou próximo que esteja sozinho, ofereça ajuda. Mas lembre-se, é necessário utilizar luvas no mercado e higienizar com álcool gel as mãos sempre, para não correr o risco de contaminá-los. Além disso, recomende que eles passem álcool gel em todas as compras, antes de guardar no armário. 

4. Jogos: ótimo para descontração

Se você mora com seu avós ou está convivendo com eles no momento, dê a ideia de jogarem para descontrair. Ainda mais se não tem tanta aptidão para a tecnologia, jogos antigos podem ser uma boa pedida. Se você não conhece ludo, dama, baralho e outros jogos de tabuleiro, é o momento para conhecer também.

5. Incentive a realizar exercícios físicos

Existem muitos aplicativos de celular, curados por especialistas, de exercícios físicos leves que podem ajudar eles. É importante se movimentar e não ficar apenas sentados nessa quarentena, então vale a pena procurar mais informações sobre isso. 

6. O mais importante: faça companhia

Faça companhia para seus avôs neste momento difícil! Pode ser assistindo um filme junto, recomendando um livro ou dedicando um tempo para conversar. Mas, se faça presente. Eles vão precisar muito de nossa ajuda neste momento.

7. Conte histórias!

As histórias são um ato de amor e cuidado. Então, que tal telefonar ou fazer uma videochamada de contação de histórias? Tenho certeza que eles irão adorar! 

Conta para a gente, o que você anda fazendo para ajudar os idosos que você conhece?

Leia mais:

Profile photo of Michelle Rachid

Bióloga, acredita que a aprendizagem eficaz acontece por meio da leitura e das brincadeiras. Leitora voraz, ama viajar, é fã de carteirinha de animações e autora no Blog Leiturinha.