As crianças são extremamente observadoras. Você já deve ter passado por inúmeras situações com seu filho que provam isso. Inclusive algumas delas constrangedoras na qual seu pequeno pergunta sobre o motivo ou a razão de algo ser do jeito que é. Mas como explicar e incentivar o respeito às diferenças, a empatia e um olhar mais solidário desde cedo? A literatura pode ajudar e nós trouxemos uma dica de livro sobre solidariedade para crianças! 

Como falar de desigualdade social, filantropia e solidariedade com as crianças?

Se você mora em grandes centros urbanos ou até mesmo em cidades pequenas, não deve ser estranho ver, por exemplo, pessoas que moram na rua ou embaixo de viadutos. As crianças costumam mesmo dar uma atenção especial a essas situações e, muitas vezes, demonstram incômodo. Compreender a razão desses fatos pode parecer complexo para elas na nossa visão, e geralmente nos abstemos de explicá-las. Mas o que não paramos para pensar é que por trás dessa ausência de explicação, o futuro descaso pode estar à espreita.

O segredo está na forma com que abordamos estes assuntos com os pequenos. Primeiro é preciso estar atento à linguagem, as palavras que utilizaremos para explicar uma situação às crianças precisam estar adequadas à compreensão delas. Por exemplo, não podemos usar conceitos complexos sobre desigualdade social, sobre classes sociais ou questões políticas junto a uma criança. 

Para abordar essa temática, devemos fazer um exercício muito pertinente, o de tentar olhar o mundo através da perspectiva dos pequenos, mas sem mascarar a realidade. Podemos começar explicando que não são todos que possuem acesso a direitos básicos, como moradia e educação, por exemplo. E que existem pessoas que trabalham muito duro para transformar essa realidade! E, nada melhor do que utilizar a literatura como recurso para mostrar o lado bom que mora em cada um de nós.

O Gigante Mais Elegante da Cidade: um livro sobre solidariedade para crianças

Publicado pela Editora Brinquebook, este é um conto fantástico, repleto de elementos lúdicos que proporcionam uma leitura leve e divertida. A narrativa apresenta valores como a solidariedade e a importância de se cuidar do outro. O Gigante Mais Elegante da Cidade é também o mais querido e amável, pois escolhe sempre ajudar o próximo com sua gentileza.

Como mediar esta leitura?

Depois de ler a história, pergunte para seu pequeno como ele acha que pode ajudar as outras pessoas? Quais boas ações ele, na condição de criança, pode fazer para o mundo? Esta leitura abre a possibilidade de conversarmos sobre valores, altruísmo e sobre a importância de olharmos para os outros para além deles. 

Para receber livros incríveis como esse e incentivar a leitura em sua casa desde cedo, faça parte do Clube Leiturinha

Profile photo of Caroline Lara

Faz parte da Equipe de Curadoria da Leiturinha, é formada em Psicologia e mãe do Caetano. Leitora compulsiva, é apaixonada em provocar emoção, despertar a fantasia, entreter e alegrar pequenos através da literatura. Acredita que quanto menor nosso tamanho, maior a criatividade!