Coleção Pequenos Escritores: conhecendo a infância de grandes autores brasileiros

por | jul 22, 2019 | 0 Comentários

Quem escreve um livro cria um castelo, quem o lê mora nele.
Monteiro Lobato

A poesia é a forma de ler mais natural para a criança

Já parou pra pensar o que as crianças e os poetas têm muito em comum? Assim como os poetas, as crianças são exímias questionadoras e observadoras, experimentam o mundo e falam sobre ele por meio de imagens, comparações e metáforas, construindo assim sua realidade a partir do seu repertório verbal e das sensações que conhecem.

O faz de conta por exemplo, é o espaço onde a criança pode brincar livremente. Ali, o ato de imitar a realidade não se torna exclusivamente uma imitação, ele passa pela instância das percepções da criança e de sua experiência. Assim, o imitar, a brincadeira mimética, está intimamente ligada à elaboração e criação ao mesmo tempo interpretativas e expressivas.

Com o poeta pode acontecer algo parecido. Sua escrita carrega o fruto de suas percepções que não apenas descrevem a realidade crua, como uma simples representação do real, mas carregada de elementos da vida e percepções do escritor. 

Nós simbolizamos momentos, pessoas e situações e assim construímos a nossa realidade, criamos nossas características e peculiaridades.

A escrita é um treino. Assim como os atletas precisam exercitar seus músculos para vencer campeonatos, o escritor exercita seu acervo de palavras e ideias para escrever um bom livro. É uma questão de dedicação, prazer e satisfação com o que se faz. Se é possível ser atleta é possível ser poeta!

Coleção Pequenos Escritores: conhecendo a infância de grandes autores brasileiros

Assim, para celebrar essa linda profissão que é escrever, a Equipe de Curadoria Leiturinha preparou uma coleção de livros infantis sobre dois grandes escritores da literatura brasileira: Cecília Meireles e Monteiro Lobato. Nesta coleção, os pequenos poderão conhecer um pouco mais sobre a vida e a infância destes escritores que marcaram a história da literatura brasileira. Confira os títulos que compõem a Coleção Pequenos Escritores

Monteiro Lobato
Autora: Nereide S. Santa Rosa
Editora: Callis 

Você conhece o Juca? Ele passou boa parte de sua infância na fazenda, onde pôde vivenciar diversas experiências divertidas e surpreendentes. Lá ele construiu seus bonecos com espigas de milho e até mesmo verduras, que com alguns palitos espetados acabavam se tornando pequenos cavalinhos. Juca na verdade se chamava José Renato, porém, quis mudar seu nome para José Bento Monteiro Lobato, mas aí já é outra história que também é muito interessante de se conhecer. 

Cecília Meireles
Autora: Carla Caruso
Editora: Callis 

A pequena Cecília cresceu muito sozinha, não podia brincar na rua com as outras crianças pois a avó não deixava, tinha medo de que Cecília pudesse ficar doente. Ela cresceu em uma grande casa na fazenda e nela teve contato com muitas histórias que sua babá, Pedrina, contava. Segundo ela, Pedrina conhecia todos os personagens do mundo dos contos de fadas, de anões a gigantes, vampiros a mula sem cabeça. Cecília cresceu sempre muito imaginativa e atenta ao mundo ao seu redor, começou a escrever e não demorou muito para lançar seu primeiro livro. 

Para saber mais ou adquirir a sua Coleção Pequenos Escritores, acesse as Coleções Leiturinha! 

Leia também: 

Categorias:
10+ | 4 - 6 | 7 - 10 | Idade | Leiturinha | Livros
Escrito por Rafaela Martins
Estudante de Psicologia, acredita que a literatura e a curiosidade são caminhos para se conhecer o mundo. Através delas, nos tornarmos mais sensíveis e dispostos à uma educação coletiva e libertadora.
Relacionados
Empedramento dos seios: o que fazer?

Empedramento dos seios: o que fazer?

Quem é mãe com certeza sabe o que é ter preocupações e incertezas, desde a gestação. Primeiro as dúvidas sobre o nascimento do bebê. Depois, com o recém-nascido, vêm os problemas de amamentação. Empedramento dos seios e outras dificuldades surgem no desenvolvimento...

Você conhece a síndrome dos pais distraídos?

Você conhece a síndrome dos pais distraídos?

Quando penso em uma pessoa distraída logo me vêm à mente a imagem de alguém desatento. Alguém  que não consegue prestar atenção por muito tempo, que afasta o pensamento com facilidade e perde o foco facilmente com coisas que estão ao seu redor. Você conhece alguém...

Empedramento dos seios: o que fazer?

Empedramento dos seios: o que fazer?

Quem é mãe com certeza sabe o que é ter preocupações e incertezas, desde a gestação. Primeiro as dúvidas sobre o nascimento do bebê. Depois, com o recém-nascido, vêm os problemas de amamentação. Empedramento dos seios e outras dificuldades surgem no desenvolvimento...

Você conhece a síndrome dos pais distraídos?

Você conhece a síndrome dos pais distraídos?

Quando penso em uma pessoa distraída logo me vêm à mente a imagem de alguém desatento. Alguém  que não consegue prestar atenção por muito tempo, que afasta o pensamento com facilidade e perde o foco facilmente com coisas que estão ao seu redor. Você conhece alguém...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *