6 dicas para ajudar na rotina com os filhos em casa

E de repente, o mundo mudou. A pandemia trouxe muitas mudanças, seja na saúde, no meio ambiente ou nas relações humanas. De repente, o único lugar seguro e protegido é dentro de nossas casas. E assim, muitas famílias cujo contato antes era limitado aos finais de semana ou um curto período de tempo (normalmente na parte da noite), precisaram conviver e se adaptarem a essa nova realidade. Agora, a casa é escola, é trabalho, é academia, é cinema, é lar. Tem muita gente, tem muita atividade, tem muita energia. 

Tem bagunça, tem grito, tem choro, tem cansaço. Tem crianças entediadas, tem pais cansados. E como lidar com essa novidade, com tantas responsabilidades e obrigações? Confira algumas dicas que pode contribuir na rotina com os filhos em casa

1. Planeje

Café da manhã, trabalho, fazer almoço, trabalhar, aula online, hora do lanche, trabalho, fazer janta. A rotina da casa precisa ser readaptada de forma que atenda todas as necessidades da família e não apenas de um indivíduo. O ideal é que a rotina seja construída com toda a família assim todos se comprometem. Permita que as crianças participem desse planejamento escolhendo por exemplo o horário do banho e alguma atividade que goste de fazer. 

2. Crie sinais 

Quem está trabalhando home office provavelmente já teve a participação dos filhos em alguma reunião de trabalho. Uma maneira de minimizar essas interrupções é criando sinais. Pode ser um aviso na porta, uma fita colorida, ou algum outro sinal. O bacana é trabalhar com a imaginação das crianças. Talvez dizendo que está trabalhando em uma fórmula secreta, está criando algo novo, pedir que ele proteja a porta de uma invasão alienígena. Alguma história criativa, divertida e lúdica. 

3. Integração

Integre as crianças nas atividades de casa. É muito importante que todos colaborem. Delegue responsabilidades para cada integrante, inclusive nas tarefas de casa e estimule-os. Uma boa maneira de fazer isso é criando um programa de pontos e benefícios. Exemplo: arrumar a cama, levar o lixo fora vale 1 ponto. A cada 10 pontos acumulados, pode escolher o filme da sessão cinema, ou pedir um lanche.

4. Pote do tédio 

É difícil manter as crianças ocupadas e é comum que elas fiquem um pouco entediadas. Pra essas horas, tire uma atividade da manga. Peça que as crianças escrevam em pedaços de papéis diversas atividades. Brincar de massinha, assar biscoitos, desenhar uma história em quadrinhos, fazer um desfile de moda. Tenha atividades simples e divertidas. É bom para manter o equilíbrio e evitar o uso excessivo das telas.

5. Momento família 

Apesar de estarem todos na mesma casa, não necessariamente estão aproveitando o tempo juntos. Estabeleça na rotina um horário para desligar os celulares e terem alguma atividade em família. Pode ser assistir a um filme juntos, montarem um quebra cabeça ou fazer uma festa do pijama. Pode ter um pote de atividades apenas para família. 

6. Agradecer

A gratidão é um hábito que pode ser desenvolvido desde cedo entre as crianças. Conseguir enxergar situações positivas em meio a momentos difíceis é uma habilidade que fará diferença na maneira deles lidarem com o mundo. Antes de dormir peça que pensem em duas coisas boas que aconteceram durante o dia e escreva no caderno da gratidão. 

Tantas mudanças têm sido difíceis para todo mundo, adultos ou crianças. Quanto mais empatia e inteligência emocional para lidar com as adversidades, buscando soluções criativas para lidar com o “novo normal”, melhor pra todo mundo. 

Leia também: 

Profile photo of Brena Limoel

Empreendedora, escritora e transformada pela maternidade. É mãe da Sara e da Sofia e compartilha um maternar de forma leve e sem culpas. Através de sua experiência e projetos, ajuda milhares de mulheres a se empoderarem e buscarem equilíbrio. Brena é autora convidada e seus textos não representam necessariamente a opinião do Blog Leiturinha.