Você sabe de todos os benefícios que a leitura proporciona desde o início da vida. Por isso, tenta a todo momento estimular este hábito em casa. Frequenta livrarias e bibliotecas, assina um clube de livros infantis e dá livros de presente. Mas eis que, de uma hora para a outra, o pequeno não vê mais graça em ler. Seja porque está ficando maiorzinho, porque você não tem tempo para ler para ele ou porque o videogame ou celular compete sua atenção. Bom, seja qual for o motivo de o seu filho não estar mais tão interessado pelos livros, nós podemos ajudar. Com base no que nosso público compartilhou com a gente no Instagram da Leiturinha, nós preparamos 5 dicas para despertar o interesse pela leitura novamente:

1. “Falta de incentivo!”

Pode acontecer de pais e mães se culparem por sentirem que não incentivam o suficiente o hábito da leitura. Se este é o seu caso, calma. Claro que, como todo hábito, a leitura precisa de estímulo constante. Mas se o seu caso é falta de tempo, uma dica é aproveitar momentos da rotina do seu pequeno para estimular a leitura. Ler antes de dormir, por exemplo, é uma ótima opção. Além de estimular o gosto pelos livros, fortalece o vínculo entre vocês e cria uma rotina de leitura. Se o caso é que você não tem o hábito de ler e se sente inseguro para escolher livros para o seu pequeno, você pode buscar por sites ou clubes que te ajudem nessa seleção. 

2. “Muito celular” 

Essa é uma queixa cada vez mais comum. Afinal, os pequenos da geração alpha já nascem conectados. Assim, é comum as crianças preferirem o celular aos livros. A dica aqui é o equilíbrio e a mediação. Que tal ter uma parte do dia dedicada a cada atividade? Também vale usar a tecnologia em favor do incentivo à leitura. Os livros digitais são uma ótima opção. Além disso, os próprios recursos do celular também podem complementar os momentos de leitura. Seja música, mecanismos de busca, câmera… Explorem a criatividade e tudo o que a tecnologia pode nos oferecer de melhor! 

3. “Meu filho mais velho, de 9 anos, só quer saber de internet!”

Conforme vão crescendo, é natural que os pequenos passem a se interessar por outras coisas e deixem os livros de lado. Uma dica aqui é aproveitar de seus novos interesses e personagens favoritos para encontrar histórias que despertem novamente seu gosto pela leitura! Assim como no caso de celular e videogame, as dicas em relação a internet são as mesmas. Em primeiro lugar, saber dosar e equilibrar o tempo entre internet e outras atividades, como brincadeiras, estudos e leitura, por exemplo. Além de usar da própria internet para incentivar a leitura. Nessa idade, você já pode incentivar o pequeno a buscar na internet sobre o autor do livro que está lendo, sobre o gênero literário, entre outros.

4. “Excesso de livros”

Livro nunca é demais! Mas se aí na sua casa já há tantos livros que o seu pequeno perdeu o interesse neles, que tal investir em cantinho de leitura bem aconchegante? Além de deixar a biblioteca do seu pequeno atrativa e organizada, um cantinho dedicado aos livros é um excelente convite à leitura. Outra dica é passar adiante aqueles livros que seu filho já não lê mais. Afinal, há sempre pequenos leitores em busca de novas histórias e livro parado na estante não conta história! 

5. “Não sei porque meu filho não se interessa mais pela leitura”

Se o seu pequeno, de uma hora para a outra, parece ter perdido o interesse pela leitura sem motivo aparente, calma! Saiba que existem fases em que é comum os pequenos se desinteressarem pela leitura. O mais importante é sempre ter livros por perto e nunca deixar convidá-los para deliciosos momentos de leitura. Uma hora ou outra, o interesse retorna, afinal, já se tornou um hábito!  

E aí na sua casa? Já aconteceu de o seu pequeno perder o interesse pela leitura? Se sim, por que você acha que isso aconteceu? Conte para a gente! 

Leia mais:

Profile photo of Ana Clara Oliveira

Jornalista e editora do Blog da Leiturinha, é fascinada por tudo que envolve o mundo da leitura, da educação e da infância. Acredita que as palavras aproximam pessoas, libertam a imaginação e modificam realidades. Gosta de escrever, viajar e aprender sempre.